Dona Onete se apresenta pela primeira vez na Womex


No dia 26 de outubro, a cantora paraense Dona Onete, de 80 anos, sobe ao Pakkahuone Stage, em Tullikamari, na Finlândia. Ela se apresenta durante a Womex, uma das maiores conferências de música do mundo, que acontece de 23 a 27 de outubro. O show está previsto para acontecer às 21h45 e tem apoio do Brasil Music Exchange (BME), projeto de internacionalização de música brasileira realizado por meio de uma parceria entre a Brasil Música & Artes (BM&A) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).  

Nascida em Cachoeira do Arararí, na Pará, Onete é considerada a musa do “carimbó chamegado”, ritmo de sua autoria, que mistura o balanço do carimbó “com um toque de pimenta”, segundo ela a própria.

Desenvolvendo uma sólida carreira internacional, em 2017, foi a única artista brasileira a integrar o World Music Charts Europe Top 20, com a faixa “Banzeiro”. Em 2018, ultrapassou as 8 milhões de visualizações no YouTube com o clipe da música “No Meio do Pitiú”, que foi eleita a melhor canção do ano na lista top 20 do DJ Gilles Peterson, da BBC de Londres, e da Worldwide FM. No mesmo ano, realizou turnês pelo México e Europa, sendo destaque de festivais como Roskilde, na Dinamarca, e Mimo, em Portugal.  

Para 2019, a agenda da cantora paraense conta com o lançamento de quatro novos videoclipes e seu terceiro álbum “Rebujo”. Além do Brasil, o turnê passa pela Austrália, Nova Zelândia, México e mais de dez países Europa, incluindo a própria Finlândia, palco da Womex. No mês de setembro, esse novo trabalho ficou em 1o lugar no  World Music Charts Europe (WMCE) e Transglobal World Music Chart (TWMC). Seu vinil está também no topo da The Arts Desk, uma associação de críticos do Reino Unido. 

Embora tenha uma longa carreira como compositora, a artista lançou seu primeiro disco somente em 2012, e, desde então, criou diversos hits dançantes com musicalidade típica do Norte do Brasil.  “A música do Pará é muito cheia de mistura, então comecei a fazer essas músicas, que falavam de amor, num ritmo mais lento e muito sensual, e assim nasceu esse carimbó chamegado”, diz Onete, que já gravou com Daniela Mercury, Gaby Amarantos, Aíla, entre outros expoentes da música brasileira. 

A Womex é a feira mundial mais importante de world music. O evento reúne mais de 2.700 profissionais, incluindo 300 artistas de mais de 90 países, durante cinco dias de um intercâmbio de informações, contatos e produtos musicais.

Sobre o BME

O Brasil Music Exchange (BME) é um projeto de auxílio à exportação de música desenvolvido desde 2002 por meio de uma parceria entre a Brasil Música & Artes (BM&A) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Para essa finalidade, o BME realiza diversas atividades de promoção de negócios e imagem internacional. O público-alvo são empresas que atuam no mercado da música – gravadoras, selos, editoras, managers, sociedades distribuidoras de direitos autorais, agências de produção de música original e plataformas tecnológicas – que já exportam ou tenham interesse em iniciar esse processo.