NOTÍCIA


FESTIVAL DEL LIBRO Y LA CULTURA DE MEDELLÍN: YANGOS

06/09/2017



Para o grupo instrumental Yangos, o processo de pesquisa musical é constante, os temas compostos pela banda refletem vivências distintas, suas músicas carregam forte influência do sul do Brasil e de sons de raiz sul-americanos. A sonoridade é composta pelo encontro de um pianista, um percussionista, um acordeonista e um violonista, mas não se confunda, pois apesar de estarem juntos há mais de 10 anos, cada integrante possui preferências por estilos musicais diferentes.

A conexão entre as personalidades dos músicos César Casara, Cristiano Klein, Rafael Scopel e Tomás Savaris prevalece, sem se importar com as diferenças.  Sobre o processo criativo César Casara diz que: “O mais importante no processo criativo é a entrega de cada um de nós em prol do coletivo, da banda. É impossível criar sem aceitar os parceiros em sua totalidade, seja potência ou limites. Nesse sentido, o lado emocional conta mais.” 

O grupo acabou de lançar o disco Chamamé  que será a base para a apresentação durante o Festival del Libro y la Cultura de Medellín. O evento reúne apresentações de mais 7 artistas brasileiros. O showcase do grupo Yangos acontece dia 17 de setembro, o último dia do evento que oferece programação diversa entre os dias 8 e 17 do mesmo mês.

Música dos Pampas conquista o mundo

Originários de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, a banda já faz planos para concluir um novo disco e, em 2018, pretende viajar mundo afora levando a intensidade dedilhada de uma melodia cheia de notas, por exemplo, a países da Europa.

"Assim como nossa música não vê fronteiras, nós também não as vemos. Quanto mais levarmos nossa arte para todos, melhor. Estamos trabalhando para fortalecer a conexão com países hermanos da América Latina e, em 2018, faremos uma tour na Europa (Itália, Espanha, Portugal e França)" afirmam os músicos.

 A apresentação na Colômbia acontece como parte da ação organizada pelo Brasil Music Exchange (BME), um projeto de auxílio à exportação de música realizado por meio de uma parceria entre a Brasil Música & Artes (BM&A) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Para essa finalidade, realiza diversas atividades de promoção de negócios internacionais.