NOTÍCIA


Festival Internacional de Jazz de Montreal: Manoel Vieira Quintet mistura choro, baião e jazz

05/07/2017



Por Karina Ninni
 
Com repertório autoral que inclui choro e baião, o pianista sergipano Manoel Vieira apresentou-se com seu quarteto nesta sexta-feira, 30 de junho, na 38° edição do Festival Internacional de Jazz de Montreal. Vieira trouxe uma banda composta, em sua maioria, por brasileiros doutorandos em música na Universidade de Laval, em Quebèc, incluindo o próprio pianista.

"Na universidade, ganhamos o primeiro lugar em um concurso de concertos de jazz e o prêmio era fazer dois shows aqui. Foi uma experiência incrível, tivemos bom público muito receptivo. As pessoas adoram música brasileira", diz Manoel. Entre suas composições, destacam-se o Choro pra Kika, de melodia delicada e limpa, e Baiamba, uma fusão dos dois ritmos brasileiros, parceria com seu conterrâneo Van Silva.
 

Apresentações com sucesso de público

Após uma apresentaçao na Place Heineken (palco ao ar livre patrocinado pela marca) e outra no complexo Desjardins, ambas no mesmo dia, o Manoel Vieira Quintet ainda teve fôlego para fazer um último show, mais intimista, no Espace Cercle Carré, um espaço cooperativo ocupado por diversos artistas, na região central da cidade. O grupo de Manoel é formado pelo baterista Carlos Henrique Feitosa, o saxofonista Jair Teixeira, o trombonista Alciomar Oliveira e o baixista Thierry Sterckeman, único canadense.