NOTÍCIA


DJ MAM lança Sotaque ReCarregado e anuncia turnê na Europa

02/06/2016



Marco Aurélio Marinho, que há 13 anos se tornou o DJ MAM, lança seu segundo álbum Sotaque ReCarregado. São faixas para as quais o artista carioca garimpou produtores/DJs representativos de diversas regiões brasileiras, que fizeram uma releitura de seu trabalho de estreia, Sotaque Carregado. O artista é participante do Brasil Music Exchange (BME), projeto de internacionalização de música brasileira realizado por meio de uma parceria entre a BM&A e a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos). O artista apresenta este trabalho na Europa em setembro e outubro.
 
As canções contêm as vozes de Valdi Afonjah, Renata Rosa, BNegão e o próprio MAM, entre outros colaboradores. Da Paraíba, foi convocado o multi-instrumentista Furmiga Dub, mestre das linhas de baixo, que cruzou o nordeste com o dubstep num resultado fatal em qualquer pista. Igualmente original é a faixa “Porção do Amor”, um samba-reggae que conta com a presença de Mauro Telefunksoul e André T, os arquitetos por detrás da cena Bahia Bass. 
 
Também de Salvador, Raiz Selector (“Eu tô com fome”) e Lucio K (“Pra Balançar a Nega”). “Strip Cabocla” fica a cargo do duo paraense Luan Rodrigues e Waldo Squash, produtor de tecnobrega da periferia de Belém, que conseguiu projetar sua Gang do Eletro além das fronteiras do gênero.
 

A festa segue com o DJ Incidental (PE), cumbia maker que fez o afoxé ir para o baile, DJ Tide (SP), um dos membros da popular festa Mel, mixando “Cuz Cuz de Canô” e a presença internacional do dinamarquês Kenneth Bager. Do sul do país, os gaúchos do Ccoma desenvolveram Sambarimbó de um jeito completamente diferente do paulistano DeepLick - conhecido por remixes de astros da MPB, que ainda assina “Iemanjá Carioca”. Complementando o time: DJ Patife (“Ogun Oni Irê”) e Marcelinho da Lua, este último em parceria com Bruno LT, em “Coco de Itaparica”.
 
O disco original chegou a figurar, em setembro de 2015, no top 20 da World Music Charts Europe, a parada musical das rádios europeias, estabelecendo-se como o primeiro do ano na categoria eletrônica.